NO INICIO DO BLOG

30 de dezembro de 2012

FELIZ 2013!!! - A Mais Linda Mensagem de ANO NOVO!!!

Exercícios sobre crase


1. Entre os brasileiros frente .... de negócios próprios abertos ... menos de 4 anos, a porcentagem dos que ... de 45 ... 54 dobrou nesta década.
a) à, à, têm, à
b) a, a, tem, à
c) à, há, têm, a
d) a, a, tem, a
e) a, há, têm, à

Resposta c

2. A ciência produz resultados passo ... passo, como se fosse um quebra-cabeça ... ser devidamente montado, para chegar-se ... confirmação de uma hipótese qualquer.
a) à, à, a
b) a, a, à
c) a, à, à
d) à, à, à
e)  a, a, a

Resposta b

3. Milhões de toneladas de Krill estão ... disposição da fauna da Antártida e são ... garantia de sobrevivência ... todos os animais que lá vivem.
a) à, a, a
b) à, à, a
c) à, à, à
d) a, a, à
e) a, à, a

Resposta a

4. Gostaria de ter ido ... ruazinha, onde encontraria amigos reunidos ... sombra das árvores, ... conversar alegremente.
a) àquela, à, a
b) àquela, à, à
c) àquela, a, a
d) aquela, à, a
e) aquela, a, à

Resposta a

5.  Num assalto ... mão armada, é aconselhável que a vítima obedeça ... ordens do bandido, evitando-se expor-se ainda mais ... qualquer tipo de agressão.
a) a, as, à
b) à, às, a
c) à, às, à
d) a, as, a
e) à, as, à

Resposta b

6. Estradas de ferro foram construídas em regiões propícias .. malária e ... outras doenças tropicais, fato que levou .. morte grande número de trabalhadores.
a) à, a, à
b) a, à, à
c) a, a, a
d) a, à, a
e) à, à, à

Resposta a

7. Qual alternativa a crase não deve ser utilizada?
a) Fui à cidade.
b) Ele saiu à força.
c) Chegou às cinco da manhã.
d) Falou à qualquer pessoa.

Resposta d

8 . Silêncio que é anterior às palavras.
a) é facultativa.
b) ocorre porque o termo palavras exige apenas o determinante a no plural.
c) deve-se à presença única da preposição a exigida pela palavra anterior.
d) ocorre, porque a palavra anterior exige que o seu complemento seja regido da preposição a e o termo palavras está determinado pelo artigo as.
e) ocorreria também se substituíssemos o termo palavras por termos.

Resposta d

9. Assinale a alternativa com erro de crase.
a) Aderimos à mobilização geral.
b) Fui à Curitiba.
c) Não vou às festas que ele promove.
d) Pintava à Picasso.

Resposta b

10. 
I. ...isso não nos torna imunes às eventuais perdas.
II...patética espera em relação àquela pessoa amada que pediu um tempo.
III....Sêneca, um estóico tardio, é sucinto e objetivo na que tange à esperança.

O uso da crase é justificado pela mesma norma gramatical em:
a) I, II, III
b) I, II
c) I, III
d) II, III

Resposta a

Tema de redação - 2013




3.  Qual a importância das redes de relacionamento nas relações sociais, políticas, econômicas e culturais no contexto contemporâneo?
Texto dissertativo argumentativo com 25 a 30 linhas, dê um título à sua redação.

UFSC - vestibular 2013

27 de dezembro de 2012

Tema de redação - 2013

1. Desde pequeno você vem sendo submetido, na escola, à prática de escrever. Com o passar do tempo, as exigências se tornaram cada vez maiores para que se aumentasse a qualidade de seus textos e não demorou muito para perceber que lá no fim do túnel do Ensino Médio haveria uma prova muito importante, com bom peso na nota: a redação no vestibular. Nesse trajeto, você se perguntou, afinal para que escrever? Para que fazer um boa redação? Na era da internet, para que eu tenho que aprender a redigir, se a comunicação visual funciona muito melhor?
Para Clarice Lispector escrever é maldição e salvação. Para Syd Field, é uma atividade profissional muito importante. E para você?

ESCREVER: O TRABALHO E A INSPIRAÇÃO

Texto dissertativo argumentativo com 25 a 30 linhas
UNESP-2013

23 de dezembro de 2012

Credibilidade, responsabilidade e falta de uma justificativa convincente

Fica para 2016 o uso das novas regras ortográficas, já estudadas por setores públicos e privados desde 2009, quando os países lusófonos ratificaram o novo Acordo Ortográfico. O governo optou pelo adiamento depois de sofrer pressões de professores e também para entrar em sintonia com Portugal, que estabeleceu um período de transição maior para a implantação da reforma. O objetivo principal das mudanças é uniformizar a grafia dos textos nos países onde o português é a língua oficial. Com o adiamento proposto pelo Itamaraty, porém, abre-se espaço para novas alterações e até mesmo a suspensão de regras já adotadas por jornais, livros didáticos e documentos oficiais. Resumindo: o desacordo ortográfico ganhou vigência por mais 3 anos.
Embora o idioma falado e grafado seja um elemento de coesão nacional, guardando, por isso, relação íntima com a a história e a cultura de cada povo, o mundo globalizado exige adequações que nem sempre são motivadas apenas por interesses comerciais e geopolíticos. Como bem argumenta o embaixador, Pedro Motta, representante brasileiro na comunidade de língua portuguesa, fica difícil querer que o português seja uma língua oficial nas Nações Unidas com tanta diversidade entre os oito países lusófonos. Até agora, apenas o Cabo Verde implantou oficialmente a reforma.
Na prática o Brasil também já adotou alterações, ainda que persistam as resistências pontuais, baseadas muito mais no conservadorismo do que na necessidade de clareza e objetividade. Em Portugal, sim, ainda existe uma reação forte às mudanças, inclusive por parte de movimentos organizados que pressionam o governo para que revogue a reforma ortográfica. Dificilmente isso ocorrerá, pois o acordo foi ratificada pelas autoridades. Mas a rejeição popular dos portugueses tende a retardar ainda mais a oficialização nos demais países.
Ao se submeter a essa pressão, o Itamaraty rasga o contrato informal com os brasileiros que se esforçaram para assimilar as mudanças ortográficas e cria um precedente para novas alterações que podem causar transtornos irreparáveis a editoras e entidades produtoras de documentos, que já trabalham com a ortografia acordada. Pior do que isso complica a vida de candidatos inscritos em concursos públicos cujos editais já foram publicados com a exigência da nova ortografia. Como decreto do adiamento ainda precisa passar pela área jurídica da Casa Civil e ser chancelado pela presidente Dilma Rousseff, há tempo de manter o acordado.


Editorial Zero Hora - 23/12/2012

20 de dezembro de 2012

Pronomes demonstrativos e a localização no texto

Este e suas flexões indica tudo que se anuncia num texto. É utilizado dentro do período.
Esta semana anunciaram que a avaliação, a partir de agora, será emancipatória.

Esse e suas flexões indica tudo que já foi mencionado anteriormente, já foi dito.

Esse tipo de avaliação, quando realizada sem critérios, compromete a educação.

Aquele e suas flexões indica o elemento mais distante do texto.

Aqueles que se comprometeram em melhorar a educação, não mais estão interessados neste assunto.

Outro fator é o uso dos demonstrativos em um contexto.
João Antonio, Maria Eduarda e Adalberto, este gosta de um bom vinho (Adalberto), essa, de  champanhe (Maria Eduarda), aquele, de refrigerante (João Antonio).

Até...

Pronomes demonstrativos e a relação tempo

Este e suas flexões; neste, deste...indica que o tempo em questão é presente ou próximo do momento presente.

Esta semana, dia 21/12, segundo o Calendário Maia, acaba o mundo.

Esse e suas flexões; nesse, desse...indica um tempo passado.

Essa semana foi de muito calor.

Aquele e suas flexões; naquele, daquele... indica um tempo passado muito distante do momento em que se fala.

Aquele momento, em 1983, foi difícil.

Até...

19 de dezembro de 2012

E daí ...

O pronome de tratamento você, usado familiarmente, é mais empregado do que tu, porém, ainda há regiões do país em que o tu predomina. Na forma culta escrita ocorre tanto o uso de você como tu. Nesse caso, não se mistura um com o outro.

Veja
Vai rápido e não se demore. - forma popular-
Vai rápido e não te demores. - forma culta escrita -
Vá rápido e não se demore. - forma culta escrita -

Observem os tempos verbais: modo imperativo afirmativo; vai tu; não demores tu - modo imperativo negativo. Agora voltem à primeira frase, "se" corresponde a ele, logo está errado. Vai = a tu; demore = a ele, misturaram tudo.

Até...

18 de dezembro de 2012

Cuidado

Com a gente é uma forma característica da linguagem coloquial. Não se deve usar em textos formais.
Ela deixou os livros "com a gente."
Ela deixou os livros conosco.

Até!

Dica

Para mim ou para eu

EU é pronome pessoal e sempre tem a função de sujeito.
MIM é pronome pessoal oblíquo tônico e nunca tem a função de sujeito. Deve sempre ser usado com preposição - a mim, de mim,  para mim...
Quando houver um verbo no infinitivo deve-se usar o pronomes pessoais do caso reto com qualquer preposição.
Ele escreveu isso por mim.
Ele escreveu isso por eu "estar" atrasado.

Até!

Pronomes pessoais

Depois de preposições não são utilizadas as formas eu e tu , mas, se estes pronomes funcionarem como sujeito de um verbo no infinitivo, o seu uso está correto.

Cantavam músicas para mim.
Cantavam músicas para eu dormir.

Contigo/ consigo/ com você

Contigo só deve ser usado quando os indivíduos são tratados em segunda pessoa - tu - te - ti - teu ...

Espera que ela já vem almoçar contigo.

Consigo significa com si mesmo e é pronome reflexivo, ou seja, é pronome da pessoa do sujeito.

Ele trouxe as revistas consigo.

Com você é usado quando tratamos os indivíduos em terceira pessoa. 
Espere que o gerente já vem falar com você.

Até...

17 de dezembro de 2012

O Blog de Redação: A VERDADE SOBRE OS CORONÉIS

O Blog de Redação: A VERDADE SOBRE OS CORONÉIS: Adeir Boida de Andrade Engenheiro e Cacauicultor             Começo por alertar aos leitores que não vou adentrar pelo mundo d...

10 de dezembro de 2012

Tema de redação vestibular UPE 2013

A  UPE trouxe dois temas aos candidatos.

Fome no  contexto social brasileiro: discussão antiga, problema atual.

Não dá para silenciar diante da injustiça e da violência.

Redação com 20 a 30 linhas, dê um título ao seu texto.

Temas de redação vestibular PUC - 2013

A PUC teve como tema três opções.

A vida depois dos 70.

Os limites e as possibilidades da ciência.

O desenvolvimento da ciência no Brasil.

Texto dissertativo argumentativo com 25 a 30 linhas.

9 de dezembro de 2012

Tema de redação UFSM - 2013

A UFSM teve como tema de redação neste vestibular: na sua opinião, é essa pressão"ter de" que leva as pessoas à insatisfação, à angústia, a frustrações quando não conseguem corresponder ao que lhes foi imposto?
Texto dissertativo argumentativo com 20 a 25 linhas, o título vale como linha. Não esqueceram dele?

Até...

Andrea Bocelli and Celine Dion - The Prayer // A Oração

Andrea Bocelli & Laura Pausini - ''Dare To Live'' (Vivere)

7 de dezembro de 2012

Muita atenção com a flexão desses verbos.

Verbo ver, vir, ir e haver no Futuro do Subjuntivo

Como  a maioria fala errado acaba assimilando a fonética à escrita.
Vejam
verbo ver
Quando eu vir
Quando tu vires
Quando ele vir
Quando nós virmos
Quando vós virdes
Quando eles virem

verbo vir
Quando eu vier
Quando tu vieres
Quando ele vier
Quando nós viermos
Quando vós vierdes
Quando eles vierem

verbo ir
Quando eu for
Quando tu fores
Quando ele for
Quando nós formos
Quando vós fordes
Quando eles forem

verbo haver
Quando eu houver
Quando tu houveres
Quando ele houver
Quando nós houvermos
Quando vós houverdes
Quando eles houverem

No contexto
Quando vires o Rodrigo, diga a ele que o concurso é domingo.
Quando vieres a Ijuí, se possível, traga chocolates.
Quando eu for a Portugal, Adalberto irá comigo.
Quando houver uma chance de ingresso, avisarei.

Até...

5 de dezembro de 2012

Cuidado com esses tempos verbais!

Os textos devem primar pela gramática normativa. Tem sido hilário quando um candidato escreve "forrão", porém de acordo com o contexto é "foram", pretérito perfeito do indicativo, terceira pessoa do plural.
Agora, gurizada, "forrão" dói muito. Procurem lembrar, se é o que pretendem escrever nas redações;
Pretérito Perfeito do Indicativo

verbo ser                       verbo ir
                               
                                        
eu fui                            eu fui
tu foste                         tu foste
ele foi                           ele foi
nós fomos                    nós fomos
vós fostes                    vós fostes
eles foram                   eles foram

Perceberam?
Futuro do Presente do Indicativo
verbo ser                       verbo ir
eu serei                          eu irei
tu serás                          tu irás
ele será                          ele irá
nós seremos                  nós iremos
vós sereis                      vós ireis                  
eles serão                      eles irão

Passado
Futuro 
           Até... "forrão"?

Prestem atenção!

Afim tem o significado de semelhante.
Matemática e química são matérias afins.
Ok!

A fim de significa finalidade, pois é um conectivo subordinativo adverbial final. As produções textuais sofrem pra caramba com essa troca.
Antenem-se!

3 de dezembro de 2012

...11 anos, 12 anos...13...pois é!

Quando penso que isto é impossível vem alguém e escreve depois de 11, 12, 13 anos, lendo, interpretando e escrevendo.
conheci Jesus Cristo em santa Catarina...              Cara, isso é sério??
Poxa, preciso ver isso!
mais de preça...                                            0ps, não sei não, mas fartô ou sobrô?
interce..                                                       .sei la
comesei
começei...                                                   difícil decisão essa
remenda no código penal..                         poxa essa é verdade...
honrrar...ninguém honra...                         vamos enfatizar rrrrrrrrrrr
cintão...                                                      deve ser um cinto enorme ou seria sintam...
fasilidade...                                                não matei a charada
proficionais...                                            essa doeu...são os profissionais que se formam..
adivogados..                                              afogados no i
exigise...                                                    como se fala isso
engreçar...                                                 desengrenou
escolido...                                                 escorrido?
sercados...                                                salve-se quem puder...
normalte...                                                que língua é essa?
internaltas...                                              aqueles da pernas altas?
diflamava...                                              apaga
consendimento...                                     vem de condimento?
invazão...                                                 ha, não dê vazão a isto
barrulho...                                               será que é do mensalão?
precionado...                                          essa mata
emsinar...                                               volta para as séries iniciais, vai
nesecita...                                               marcenitaaaaaaaa
ensimo.. .                                               embaixo, é?
exposse..                                               vem de esposa?
ceveras...                                               que será isso?
expessifica...                                         ta então ta?
nossões...
engrecei...                                            sei!!!!
escolhece...                                         colhe o quê?
por izo...                                             quem falou que não dá?
estética e gosmética...                        é, pode gosma...
Quando vejo os brigadianos em seu cavalos de chapeu e capa cinza...                  quem??? Coitados!
oferecece...
estelhonato...                                    há tanto que já nem sei
trassar...                                            trrrrrrrrrrrrrr assar...
opitei...
forrão...                                            aquele forro grande...
luguar...?
ao cruzar dos anos...                        ontem cruzei com vários
processo educacional da escola...   ha, sério?
abrir a cabeça do aluno...                a paulada?
ezecutar...                                        no Brasil acho que fizemos assim...
estomago forte...                             é que faz academia.
filhos futuro do amanhã...              ainda bem
russedida...                                     voltaaaaaaaaaa
ser um coisa grande..                     epaaaaaaaaaaaaa
internet"a antiga terra"...               não sabia dessa
acontessa
dezejo
cervia
soldadados...                               sentido?
cirvindo
harmoniaca
peçoas...                                     aquela  peça de roupa
intou...o alemon
aperfiesuar...                             suei com essa
senço...                                     ????????????
o que ta escrito na minha identidade é a espada...                            procurei e não vi nada na minha
pintoura...                                  será que vem de boi?
o joven pode sonham alto...       verdade
persebi...                                    eu também
equinoradas                               vem de equinos?
uns cos outros...                        e tudo unido
crese                                         e desce
curtinas
satisfassa
inadisciplente...                      que sufocoooooooo 
 
 
 
 ....pobre língua...até...



Temas de redação - vestibular UNIJUÍ - 2013

1. Qual seu sonho profissional de infância?
Qualquer modalidade textual, com 25 a 45 linhas

2. Qual sua posição sobre a Carteira de Nome Social destinado a identificar travestis e transsexuais?
Dissertativo argumentativo, com 25   a 45 linhas.

3. " A escola é  a única instituição social no mundo contemporâneo que pode fazer o indivíduo pensar, refletir e produzir conhecimento."
Posicione-se em um texto dissertativo argumentativo,  com 25 a 45 linhas.

4. Você concorda com a lei"Carolina Dieckmann" sobre os crimes cibernéticos?
Texto dissertativo argumentativo.

5. É possível exercer a cidadania sem precisar de ajuda sobre-humana?
Texto dissertativo argumentativo.

1 de dezembro de 2012

Luciano Pavarotti - Ave Maria

Nova ortografia da língua portuguesa - parte 3

O novo alfabeto possui 26 letras:
a b c d e f g h i j k l m n o p q r s t u v w x y z
Acrescentou-se - k w y

1 - Com os prefixos co e re não houve mudanças.
cooperar
reestabelecer

2 - Palavras que perderam o hífen:
mandachuva
paraquedas
paraquedista
dia a dia
mula sem cabeça
azeite de dendê
pôr do sol
arroz de carreteiro
ama de leite
mãe de santo
pai de santo
pé de moleque
cão de guarda
cor de vinho
faz de conta
fim do século
mal de Alzheimer
malcriado
malmequer
malpassado
maria vai com as outras
não adepto
não fumante
não me toques (melindres)

3 - Permanece o hífen com os prefixos:
ex-marido
sem-terra
além-mar
aquém-túmulo
recém-casado
pós-graduação
pré-histórico
pró-europeu

4 - Palavras de origem tupi-guarani não perderam o hífem
capim-açu
amoré-guaçu
anajá-mirim

5 - Com os prefixos circum e pan usa-se o hífen diante de palavra iniciada por m, n ou vogal
circum-navegação
pan-americano

7 O prefixo vice sempre pede hífen:
vice-diretor

8 - Não se emprega hífen quando o prefixo terminar em r e a palavra seguinte começar com vogal:
hiperacidez
hiperativo
interescolar

9 - Com o prefixo super, inter, hiper, e a palavra seguinte iniciar com r, há hífen
super-romântico
hiper-realista
inter-relação


10 - Há hífen depois do prefixo sub e a palavra seguinte iniciar com b ou r:
sub-base
sub-reitor

Até...