NO INICIO DO BLOG

20 de outubro de 2013

Modelo de redação ENEM

Título

Nacionalismo ou fanatismo patriótico

A crença em valores e ideais comuns, compartilhados por um povo, aliados a aspectos culturais, linguísticos e religiosos constituem aquilo que denominamos nação. Surgido aos moldes durante o romantismo Alemão de Goethe, o sentimento de amor à nação ou nacionalismo, legou-nos alguns dos maiores exemplos de sacrifício humano que, como mártires, tombaram por sua pátria. Em contrapartida, em sua forma mais radical, o nacionalismo excessivo criou as condições para o surgimento da xenofobia e do  fanatismo patriótico.
 A tentativa de extremismo de uma raça inteira, perpetrada contra judeus, durante a Segunda Guerra Mundial, é o exemplo mais brutal da associação entre o fanatismo político e o nacionalismo, unidos à crença de superioridade de um povo pelo outro. Atualmente, com a crise econômica e o desemprego assolando a Europa, vimos o reflorescimento de partidos de extrema direita, como a Aurora Dourada na Grécia e do sentimento de separatismo em lugares como o País Basco, na Espanha, suscitando o temor das autoridades de que o Velho Continente mergulhe em radicalismos.
 O conjunto de símbolos, hinos e valores patrióticos são a base para a edificação da unidade nacional de cada país, pois criam um sentimento de identidade entre as raças que compõem um povo. Porém, é imprescindível  que cada unidade não se sobreponha de forma violenta aos imigrantes que ingressam a uma nova terra, muita vezes, fugindo de perseguições políticas, sectárias, religiosas ou de pobreza. Geralmente, agregam-se aí formas escravocratas que não deixam de ser radicalismos, fanatismo em não aceitar algo ou outra raça.
 Pablo Neruda argumentava: "Somos livres para fazer nossas escolhas, mas reféns das consequências". Enfrentamos caso semelhante, no Brasil, em relação aos nossos vizinhos latino-americanos. O dilema em receber imigrantes, aceitá-los. É fundamental levarmos em conta convicções e moderação condizente ao nosso caráter, assim como é notório que todo fanatismo só traz consequências, dosar, analisar é o termo, desde que não haja o radicalismo exacerbado.
 
Postar um comentário