NO INICIO DO BLOG

24 de julho de 2017

ARTIGO CIENTÍFICO

METODOLOGIA DE ARTIGO CIENTÍFICO

Aprenda a fazer um artigo científico.


Para a elaboração do artigo científico, é necessário seguir orientações conforme adaptação das Normas da Associação Brasileira de Normas Técnicas para Trabalhos Acadêmicos NBR`s 6022/1994, 6023/2002 e 10520/2002.
1. Tipo de fonte ARIAL.
2. Papel formato A4: 210mm X 297mm.
3. Margens:
3.1 Superior 3cm;
3.2 Inferior 2cm;
3.3 Esquerda 3cm;
3.4 Direita 2cm.
4. Espacejamento: entre linhas e entre parágrafos é 1,5;
5. Parágrafos: justificados;
6. Numeração de páginas: no canto superior direito iniciando na introdução do trabalho;
7. Estruturas de parágrafos: iniciar sempre o parágrafo com uma tabulação para indicar o início (apor um recuo no começo do parágrafo).
8. Tamanho da fonte:
8.1 No título do artigo (em letras maiúsculas) = 12;
8.2 No nome do(s) autor(es) = 10;
8.3 Na titulação (nota de rodapé) 10;
8.4 No resumo = 10;
8.5 Nas palavras-chave = 12;
8.6 Na redação do texto (introdução, desenvolvimento e conclusão) = 12;
8.7 Nas citações longas = 10
8.8 Nas referências = 12.
9. Citação:
      9.1 Destacar a fonte em negrito itálico, quando citação breve de até três linhas no mesmo parágrafo;
      9.2 Utilizar um recuo maior do parágrafo, quando citação longa, com tamanho da fonte       9.3 Atentar para NBR 10520/2002;
      9.4 Apor o sobrenome do autor, ano da publicação da obra e número da página. 
10. Aplicar espaço simples no parágrafo (não é necessário negrito nem itálico) no parágrafo;

Título do Artigo (Modelo de estrutura)

(APOR O NOME DO TEMA ABORDADO; CENTRALIZADO EM LETRAS MAIÚSCULAS; TAMANHO DA FONTE 12)
Apor dois espaços 1,5
 Resumo: elaborar um resumo para convidar o leitor para a leitura do artigo, um parágrafo estruturado de cinco a dez linhas, sobre o tema indicando os objetivos do estudo desenvolvido com espaço entre linha simples; tamanho da fonte 10; com parágrafo justificado.

Apor dois espaços 1,5

Palavras-chave: escolher entre três e cinco palavras importantes sobre o tema que foi desenvolvido, e apor como palavras-chave do artigo (fonte 12; espaço entre linhas 1,5; parágrafo justificado).

Apor dois espaços 1,5

Iniciar a redação sobre o tema com estruturação de parágrafos, introdução, desenvolvimento e conclusão de forma clara e ortograficamente correta. (tamanho da fonte 12; espaço entre linhas 1,5; parágrafos justificado).

Apor dois espaços 1,5

Iniciar em ordem alfabética as Referências, conforme modelo e adaptação da NBR 6023/2002.
O artigo é uma pequena parcela de um saber maior, cuja finalidade, de um modo geral, é tornar pública parte de um trabalho de pesquisa que se está realizando. São pequenos estudos, porém completos, que tratam de uma questão verdadeiramente científica, mas que não se constituem em matéria para um livro.

Estrutura do Artigo

1. PRELIMINARES

- Cabeçalho – Título (subtítulo) do trabalho
- Autor(es)
- Crédito dos autores (formação, outras publicações)

2. RESUMO DO TEXTO

3. PALAVRAS-CHAVE

4. CORPO DO ARTIGO

- Introdução – apresentação do assunto, objetivos, metodologia
- Corpo do Artigo – texto, exposição, explicação e demonstração do material; avaliação dos resultados
- Conclusões e comentários – dedução lógica

5. PARTE REFERENCIAL

- Referências bibliográficas
- Apêndices ou anexos

Obs. O Artigo Científico requisitado pelo curso de Psicanálise à Distância do CAEEP deve conter entre 3 a 4 páginas, no máximo. Deve ser redigido em fonte arial 12.

Referências:

D’ONOFRIO, Salvatore. Metodologia do trabalho intelectual. 2a.ed. São Paulo: Atlas, 2000.

LAKATOS, Eva Maria; MARCONI, Marina de Andrade. Fundamentos de metodologia científica. 4a. ed. São Paulo: Atlas, 2001.

SANTOS, Antônio Raimundo dos. Metodologia científica: a construção do conhecimento. 4a.. ed. Rio de Janeiro: DP&A, 2001

Finalidade de um Artigo Científico

·                     Comunicar os resultados de pesquisas, idéias e debates de uma maneira clara, concisa e fidedigna. 
·                     Servir de medida da produtividade (qualitativa e quantitativa) individual dos autores e das intituições a qual servem. 
·                     Servir de medida nas decisões referentes a contratação, promoção e estabilidade no emprego.
·                     É um bom veículo para clarificar e depurar suas idéias.
·                     Um artigo reflete a análise de um dado assunto, num certo período de tempo.
·                     Serve de meio de comunicação e de intercâmbio de idéias entre cientistas da sua área de atuação. 
·                     Levar os resultados do teste de uma hipótese, provar uma teoria (tese, trabalho científico).
·                     Registrar, transmitir algumas observações originais.
·                     Servir para rever o estado de um dado campo de pesquisa.
  
ARTIGOS DE PERIÓDICO

Artigos de periódico são trabalhos técnico-científicos, escritos por um ou mais autores, com a finalidade de divulgar a síntese analítica de estudos e resultados de pesquisas. Formam a seção principal em periódicos especializados e devem seguir as normas editoriais do periódico a que se destinam.
Os artigos podem ser de dois tipos:
a) originais, quando apresentam abordagens ou assuntos inéditos;
b) de revisão, quando abordam, analisam ou resumem informações já publicadas.

ESTRUTURA

A estrutura de um artigo de periódico é composta de elementos pré-textuais, elementos textuais e elementos pós-textuais.

1. ELEMENTOS PRÉ-TEXTUAIS

1.1 Cabeçalho
O cabeçalho é composto de:
a) título do artigo, que deve ser centralizado e em negrito;
b) nome do(s) autor(es), com alinhamento à direita;
c) breve currículo do(s) autor(es), a critério do editor, que pode aparecer no cabeçalho ou em nota de rodapé.

1.2 Agradecimentos
Agradecimentos são menções que o autor faz a pessoas ou instituições das quais eventualmente recebeu apoio e que concorreram de maneira relevante para o desenvolvimento do trabalho. Os agradecimentos aparecem em nota de rodapé na primeira página do artigo ou no final deste.

1.3 Resumo
Resumo é a apresentação concisa do  texto, destacando seus aspectos de maior relevância.
 Na elaboração do resumo, deve-se:
a) apresentar o resumo precedendo o texto, e escrito na mesma língua deste;
b) incluir obrigatoriamente um resumo em potuguês, no caso de artigos em língua estrangeira publicados em periódicos brasileiros;
c) redigir em um único parágrafo, em entrelinhamento menor, sem recuo de parágrafo;
d) redigir com frases completas e não com seqüência de títulos;
e) empregar termos geralmente aceitos e não apenas os de uso particular;
f) expressar na primeira frase do resumo o assunto tratado, situando-o no tempo e no espaço, caso o título do artigo não seja suficientemente explícito;
g) dar preferência ao uso da terceira pessoa do singular;
h) evitar o uso de citações bibliográficas;
i) ressaltar os objetivos, os métodos, os resultados e as conclusões do trabalho;
l) elaborar o resumo com, no máximo, 250 palavras.
O resumo é denominado abstract, em inglês, resumen, em espanhol, résumé, em francês, riassunto, em italiano e Zusammenfassung em alemão. Não deve ser confundido com o sumário.

MODELO DE PRIMEIRA PÁGINA DE ARTIGO (EXEMPLO)


QUALIDADE NA SEGURANÇA DO ACERVO NA BIBLIOTECA DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ – ESTUDO DE CASO

Angela Pereira de Farias Mengatto1
Eliane Maria Stroparo1
Eutália Cristina do Nascimento Moreto1
Luzia Glinski2
Sílvia Dambroski Marcon2
Tania de Barros Bággio1

RESUMO

Demonstra a experiência de implantação do Sistema de Segurança “3M Tatte-Tape” na Biblioteca de Ciência e Tecnologia da Universidade Federal do Paraná. Através da metodologia aplicada constatou-se que houve redução significativa da perda de livros e nos custos, sendo necessário, porém, a adoção de outras medidas, para que se possa estabelecer um nível satisfatório no item “Qualidade na Segurança do Acervo”.

Palavras-chave:  Livros – Furto; Bibliotecas – Furto de livros, Bibliotecas – Medidas de segurança.

1   INTRODUÇÃO

         Este trabalho propõe-se a relatar a experiência de implantação de um sistema de segurança na Biblioteca de Ciência e Tecnologia (BCT), integrante do Sistema de Bibliotecas da Universidade Federal do Paraná (UFPR). Instalada em 1965, a biblioteca atende atualmente a treze cursos de graduação e onze de pós-graduação, possuindo um acervo de 49.216 volumes de livros e 3.636 títulos de periódicos e multimeios.
__________________ 
  1 Bibliotecária do Sistema de Bibliotecas da Universidade Federal do Paraná – UFPR.
 2 Bibliotecária Autônoma.


Inf. 2000, Curitiba, v.1, n.1, p.12-27. jan./jun. 1999
fonte: http://www.paratexto.com.br


1.4 Palavras-chave
Descritores (ou palavras-chave) são termos ou frases representativas dos assuntos tratados no artigo, apresentados em uma relação de até sete palavras, e que aparecem obrigatoriamente depois do resumo, precedidos da expressão Palavras-chave.
Recomenda-se a consulta a tesaur de áreas específicas.


     2. ELEMENTOS TEXTUAIS

São os elementos que compõem o texto do artigo. Dividem-se em introdução, desenvolvimento e conclusão.
2.1 Introdução
A introdução expõe o tema do artigo, relaciona-o com a literatura consultada, apresenta os objetivos e a finalidade do trabalho. Trata-se do elemento explicativo do autor para o leitor.
2.2 Desenvolvimento ou Corpo
O desenvolvimento ou corpo, como parte principal e mais extensa do artigo, visa a expor as principais idéias. É, em essência, a fundamentação lógica do trabalho.
Dependendo do assunto tratado, existe a necessidade de se subdividir o desenvolvimento nas etapas que seguem.
2.2.1 Metodologia
Metodologia é a descrição precisa dos métodos, materiais, técnicas e equipamentos utilizados. Deve permitir a repetição do experimento ou estudo com a mesma exatidão por outros pesquisadores.
2.2.2 Resultados
Resultados são a apresentação dos dados encontrados na parte experimental. Podem ser ilustrados com quadros, tabelas, fotografias, entre outros recursos.
2.2.3 Discussão
Restringe-se aos resultados do trabalho e ao confronto com dados encontrados na literatura.
2.3 Conclusão
A conclusão destaca os resultados obtidos na pesquisa ou estudo. Deve ser breve, podendo incluir recomendações ou sugestões para outras pesquisas na área.


3. ELEMENTOS DE APOIO AO TEXTO

3.1 Citações
Citação é a menção no texto de informação extraída de outra fonte para esclarecer, ilustrar ou sustentar o assunto apresentado.
Devem ser evitadas citações referentes a assuntos amplamente divulgados, rotineiros ou de domínio público, bem como aqueles provenientes de publicações de natureza didática, que reproduzem de forma resumida os documentos originais, tais como apostilas e anotações de aula.
As citações são diretas (transcrição literal de um texto ou parte dele) ou indiretas (redigidas pelo autor do trabalho com base em idéias de outros autores) e podem ser obtidas de documentos ou de canais informacionais (palestras, debates, conferências, entrevistas, entre outros). As fontes de que foram extraídas as citações são indicadas no texto pelo sistema da ABNT.

3.2 Notas de Rodapé
Notas de rodapé são indicações bibliográficas, observações ou aditamentos ao texto feitos pelo autor, tradutor ou editor.
Postar um comentário