No inicio do blog

28 de agosto de 2016

TEMA DE REDAÇÃO


O terrorista norueguês que ensanguentou seu pacífico país, escreveu sobre pureza racial, onde entre várias imbecilidades, apontava nosso país como exemplo de como a mistura de raças é catastrófica para as nações.

Está claro que ele  não conhece o Brasil, nem faz  ideia de nossa formação histórica. A saudável mistura racial daqui já começou no século XVI, quando os Caramurus casaram com as Paraguaçus. Os casamentos mistos, de portugueses com  índios foram tão frequentes, que a população brasileira logo abdicou de qualquer pureza étnica.

Mais adiante, a entrada maciça do contingente africano acentuou a mistura racial e cultural que se completaria nos séculos XIX e XX, com o ingresso de imigrantes de todas as pelagens  e religiões.

O Brasil deve ser, a esta altura, a maior nação multiétnica do mundo. E isso jamais foi motivo de embaraço para o desenvolvimento cultural ou econômico. Tanto que São Paulo, palco da mais intensa mistura, é o Estado mais desenvolvido da nação. Os fatores que frearam nosso desenvolvimento terão sido a morosa eliminação do trabalho escravo, a permanência de uma estrutura agrária obsoleta em vastas áreas do território, as carências da educação e o tardio desenvolvimento capitalista. Nada que relacionasse com a mistura racial ou étnica. Ao contrário de outros países, em que houve graves conflitos de caráter religioso ou racial, nenhuma das guerras civis ou rebeliões internas derivou de questões desse gênero.

Talvez esse norueguês ignorante não possa compreender o clima de tolerância e receptividade que caracteriza este país, onde se concedeu, em 1890, naturalização e cidadania coletiva aos imigrantes que a desejassem, onde já tivemos  generais nascidos no estrangeiro e agora uma filha de búlgaros, presidente da República.(Adaptado de Sérgio da Costa Franco) 

Baseado no texto acima, entre 25 a 30 linhas, você vai dissertar, respondendo a seguinte pergunta: 

Você concorda que a mistura racial evitou conflitos étnicos no Brasil?
Postar um comentário