No inicio do blog

30 de agosto de 2016

CRASE - REVENDO - EXERCÍCIOS

Crase é uma palavra grega que significa fusão.
 Fusão do A artigo + A preposição = À 
Casos obrigatórios do uso da crase.
1)Locuções adverbiais: às vezes, à noite, à tarde. 
2)Locuções prepositivas: à frente de, à beira de, à exceção de. 
3)Locuções conjuntivas: à medida que, à proporção que
4) Na expressão à moda de, mesmo que a palavra moda não venha explícita, sempre ocorre                crase:
Comi uma pizza à moda da casa.
Usam sapatos à (moda de) Luís XV. 
5) Na indicação do número de horas.
Cheguei às onze horas.

Quando não há crase.
1.Antes de verbos, pois não admitem artigo.
A partir de hoje é proibido proibir.
2.Antes de pronomes pessoais, demonstrativos, indefinidos, e expressões de tratamento, pois não admitem artigo.
Não fale a ela sobre nós.
Refiro-me a Vossa Excelência.
OBS- “Senhora e Senhorita” admitem o uso do acento indicativo da crase.
Falei à senhora Débora.
Refiro-me à senhorita de verde. 
3)Quando o “a” estiver no singular e a palavra feminina seguinte estiver no plural. 
Não assisto a cenas de terror.
Entregou-se a férteis cogitações. 
4)Antes de palavras masculinas.
Andar a cavalo.
Vir a pé.
Vendas a prazo. 
5) Entre palavras repetidas.
Cara a cara
Gota a gota 
6) Diante do artigo indefinido e do numeral um.
Refiro-me a uma salada de frutas.
 O restaurante fica a 1 km. 
7) Após preposições.
Conversamos sobre a planta da casa.
Quando a crase é facultativa.

1)É facultativo o uso antes de nomes próprios femininos. 
 Refiro-me à Carol.
Respondo à Raquel.
Dirijo-me à Érika.
ou
Refiro-me a Carol.
Respondo a Raquel.
 Dirijo-me a Érika.

2)É facultativo o uso antes de pronomes possessivos no singular.
Apresentei-o a minha amiga.
Apresentei-o à minha amiga.
Dirigi a palavra à nossa irmã.
Dirigi a palavra a nossa irmã.
3)A pós a preposição ATÉ.
Iremos até a feira.
Iremos até à feira.
4) Diante de senhora, senhorita e madame


Casos especiais

1)Para evitar ambiguidades.
Ele pintou a pistola. (o objeto foi pintado)
Ele pintou à pistola. (com o objeto)
Alguém bateu a porta. (a porta foi  batida)
Alguém bateu à porta. (na porta)
2) Em nomes de topônimos, usa-se o seguinte macete:
Quem vai A e volta DA,
Crase há!
Quem vai E e volta DE,
Crase pra quê!
Vou à Itália para conhecer sua culinária.
Volto DA Itália.
Vou a Roma para ver o Papa.
Volto DE Roma.
Se houver uma especificidade a crase é obrigatória. Fui à São Paulo Terra da Garoa.
3)CASA, TERRA e DISTÂNCIA só se estiverem determinadas.
O marinheiro voltou a terra.
O marinheiro voltou à terra natal.
Voltamos a casa cedo.
Voltamos à casa de Marcelo às 8h.
Olhava-os a distância.
Olhava-os à distância de 10m.

4) De segunda a sexta-feira
De segunda a sábado
De janeiro a junho
De 5ª a 8ª série .... e assemelhados
Não ocorre crase,pois o   A  é apenas preposição.

Já na expressão
Da 5ª à 8 série 
Tem crase, porque estão presentes o artigo A e a preposição DE= DA
Logo: se estiver presente o artigo antes do primeiro elemento, a crase é obrigatória.

5)Pronomes Demonstrativos AQUELE, AQUELA e AQUILO.
Aceitam crase, quando puder trocá-los por A ESTE, A ESTA e A ISTO.
Mandei um e-mail àquele departamento.
     a este
6) Quando a preposição A se encontrar com um pronome demonstrativo:
Só falarei às que quiserem me ouvir.
    aquelas
Sua maneira de pensar é igual à de seu pai.
   Aquela

7) Antes dos pronomes que, a qual, as quais (trocar o antecedente por palavra masculina.
Conheço a estóriaa(?) qual se referem.
Conheço o caso ao qual se referem.
Portanto: Conheço a estória à qual se referem.
  Esta é a carreira à qual aspiro.
  Esta é o cargo ao qual aspiro.

Regra Prática
Quando você tiver dúvida, troque o A por:
NA
PELA
PARA A
AO + PALAVRA MASCULINA
Se a troca der certo e a frase continuar com o mesmo sentido, quer dizer que este A aceita À.
As senhoras chegaram a sala as 15 horas a fim de assistir a reunião.
                                    na      pelas                                    ao seminário

Portanto:
As senhoras chegaram à sala às 15 horas a fim de assistir à reunião.

Casos comuns do emprego errado da crase!
É muito comum ler placas e faixas nas ruas, anúncios em jornais e revistas, vejamos alguns:

Entregamos à domicílio Podemos ver que domicílio é substantivo masculino, e como tal, não aceita o artigo feminino a, e portanto não leva acento grave indicativo de crase. Quero aqui ressaltar outro equívoco comum: o verbo entregar significa levar alguma coisa a alguém em algum lugar. Nesse contexto, domicílio não é o objeto indireto (a alguém) e sim o adjunto adverbial de lugar. Portando não entregamos “a domicílio”, e sim “no domicílio”.

Vendas à prazo
Do mesmo modo, enquanto substantivo masculino, prazo  não aceita o artigo feminino a, e portanto não leva acento grave indicativo de crase . Para formação de crase com um substantivo masculino, só com o uso do pronome aquele, mas no caso de artigo, como pede o artigo o, ficaria vendas ao prazo.

À escolher
Escolher é um verbo e como tal não pede artigo, a não ser que esteja na sua forma substantivada. Mas nesse caso, um verbo substantivado sempre vai para o masculino, e portanto pediria artigo o. O escolher é uma árdua tarefa.

À perder de vista
Perder é um verbo e como tal não pede artigo, a não ser que esteja na sua forma substantivada. Mas nesse caso, um verbo substantivado sempre vai para o masculino, e, portanto pediria artigo o.

Trajes à rigor.
Rigor é um substantivo masculino e, portanto, não pode ter um artigo feminino.

À vista
Este é de longe o equívoco mais comum e mais cometido no uso do acento grave indicativo de crase. Soa muito natural o acento em vendas à vista. Porém é simples perceber que seu uso é incorreto. Basta fazer a substituição da palavra vista por um substantivo masculino, que no caso o mais prático é a palavra prazo, por ter um uso bastante similar. Como não dizemos vendas ao prazo, também não diremos vendas à vista, certo? Há, porém que se notar um caso em que se utiliza o acento grave: quando vista é usado no sentido de ver, enxergar, como em terra à vista.

À 10 minutos
Numerais, em geral, não levam artigos definidos. Podemos, ao invés disso, por um artigo indefinido: a uns 10 minutos, que nos provará que 10 minutos é masculino. Por outro lado, o acento grave poderia estar ligado a um substantivo feminino oculto (distância, por exemplo). Porém minuto não é medida de distância, e sim de tempo, portanto não faz sentido falar-se em à distância de 10 minutos.

À mão
Temos aqui um substantivo feminino e, portanto, vamos tentar substituí-lo por um masculino. Podemos traçar uma equivalência de feito a mão com ir a pé. Como não falamos ir ao pé, não diremos feito à mão.

Até às 18h
Aqui já temos uma preposição (até), cuja função é limitar a continuidade da ação. Portanto não cabe aqui o uso de mais uma preposição (a) e com isso não haverá formação da crase.

À partir de
Partir é um verbo e como tal não pede artigo, a não ser que esteja na sua forma substantivada. Mas nesse caso, um verbo substantivado sempre vai para o masculino, e portanto pediria artigo o. 


Crase Exercícios:
Use a crase, quando necessário:
01 – O plano dos bandidos saiu [as] avessas.
02 – Não chegaram [a] saber quem era [a] autoridade.
03 – Encontramos os barcos [as] margens da lagoa.
04 – Fui [a] casa, mas voltei logo.
05 – Não fui [aquela] farmácia.
06 – Entregamos o prêmio [aquele] aluno.
07 – Submeterei [aqueles] alunos a uma prova.
08 – Reprovo [aquela] atitude.
09 – Encontrei-o [a] porta de minha casa.
10 – [A] noite, se reuniam para ouvi-lo.
11 – Sua aversão [a] estrangeiros era censurada.
12 - [As] dez e meia todos dormiam.
13 - Enviei a encomenda [a] Fernanda.
14 – Você vai [a] aula hoje?
15 – Não desobedeça [a] ninguém.
16 – Os guardas ficaram [a] uma grande distância.
17 - Os meninos chegaram [a] uma hora.
18 – Você entregou [a] encomenda [a] Dona Luísa?
19 – Você deu parabéns [a] Sua Alteza?
20 – Ofereci um presente [a] Carolina?
21 – Ela foi [a] Paraíba.
22 – A meia-noite, os fantasmas aparecem.
23 – Ele não se prendia [a] nenhuma garota.
24 - Iremos [a] Porto Alegre.
25 - As notas já foram devolvidas [a] gerência.
26 – Compareceu [a] prova indisposto.
27 - Fez [a] prova indisposto.
28 – [A] lua e [as] estrelas enfeitam o céu.
29 – Sua atitude agradou [a] maioria.
30 – Sua atitude satisfez [a] maioria.
31 – Fui [a] casa de Pedro.
32 – Rezo [a] Nossa Senhora.
33 – Voltarei este ano [a] minha terra.
34 – Permaneço fiel [a] minhas amizades.
35 – Aderi logo [a] proposta que me fez.
36 – A joia pertencia [a] Helena.
37 – Tinha bigodes [a] Hitler.
38 - Referiu-se [a] Apollo.
39 - Vou [a] Melhoramentos.
40 – Tomou o remédio gota [a] gota.
41 - Dia [a] dia, a empresa foi crescendo.
42 – Não me referi [a] Vossa Excelência.
43 – Peço [a] senhora que tenha paciência.
44 – Enfim encontraram-se face [a] face.
45 – Ele chegou [a] essa região há anos.
46 – Remeti [a] senhorita o lenço.
47 – Irá [a] uma hora qualquer.
48 - Já se acostumou [a] madame Angélica.
49 - Levou a encomenda [a] sua tia.
50 - Até [a] volta.
51 - O aumento entra em vigor [a] zero hora.


Gabarito:
01 – O plano dos bandidos saiu às avessas (ao contrário).
02 – Não chegaram a saber (verbo) quem era a autoridade (o chefe).
03 – Encontramos os barcos às margens da lagoa. (ao leito)
04 – Fui a casa, mas voltei logo. (casa)
05 – Não fui àquela (a esta) farmácia.
06 – Entregamos o prêmio àquele (a este) aluno.
07 – Submeterei aqueles (estes) alunos a uma prova.
08 – Reprovo aquela (esta) atitude.
09 – Encontrei-o à porta de minha casa. (ao portão)
10 – À noite, se reuniam para ouvi-lo. (pela noite)
11 – Sua aversão a estrangeiros (masc.) era censurada.
12 - Às dez e meia todos dormiam. (ao meio-dia)
13 - Enviei a encomenda à Fernanda (ao Fernando).
14 – Você vai à aula hoje? (ao colégio)
15 – Não desobedeça a ninguém. (p. indefinido)
16 – Os guardas ficaram a uma grande distância. (uma)
17 - Os meninos chegaram à uma hora. (uma / hora)
18 – Você entregou a encomenda (o pedido) a Dona Luísa?
19 – Você deu parabéns a Sua Alteza? (p. tratamento)
20 – Ofereci um presente a ou à Carolina?
21 – Ela foi à (para a) Paraíba.
22 – À meia-noite (ao meio-dia), os fantasmas aparecem.
23 – Ele não se prendia a nenhuma (pron. Indef.) garota.
24 - Iremos a Porto Alegre. (para Porto)
25 - As notas já foram devolvidas à gerência. (ao gerente)
26 – Compareceu à prova indisposto. (ao exame)
27 – Fez a prova indisposto. (o exame)
28 – A lua (o Sol) e as estrelas (os astros) enfeitam o céu.
29 – Sua atitude agradou à maioria. (ao público)
30 – Sua atitude satisfez a maioria.  (o público)
31 – Fui à casa de Pedro. (casa)
32 – Rezo a Nossa Senhora. (santas)
33 – Voltarei este ano a ou à minha terra. (p. possessivo)
34 – Permaneço fiel a ou às minhas amizades. (possessivo)
35 – Aderi logo à proposta (ao convite) que me fez.
36 – A joia pertencia a ou à Helena. (nome mulher)
37 – Tinha bigodes à (moda) Hitler.
38 - Referiu-se à (à nave) Apollo.
39 - Vou à (à editora) Melhoramentos.
40 – Tomou o remédio gota a gota. (repetição)
41 – Dia a dia, a empresa foi crescendo. (repetição)
42 – Não me referi a Vossa Excelência.
43 – Peço à senhora (exceção) que tenha paciência.
44 – Enfim encontraram-se face a face. (repetição)
45 – Ele chegou a essa região há anos. (antes de essa)
46 – Remeti a senhorita (exceção) o lenço.
47 – Irá a uma hora qualquer. (hora indet.)
48 - Já se acostumou a madame Angélica. (antes de madame)
49 - Levou a encomenda a ou à sua tia. (possessivo)
50 - Até a ou à volta. (depois de até)
51 - O aumento entra em vigor à zero hora. (hora det.)

Crase - Exercícios de concursos I

1. (IBGE) Assinale a opção incorreta com relação ao emprego do acento indicativo de crase:

a) O pesquisador deu maior atenção à cidade menos privilegiada.
b) Este resultado estatístico poderia pertencer à qualquer população carente.
c) Mesmo atrasado, o recenseador compareceu à entrevista.
d) A verba aprovada destina-se somente àquela cidade sertaneja.
e) Veranópolis soube unir a atividade à prosperidade.

2. (IBGE) Assinale a opção em que o A sublinhado nas duas frases deve receber acento grave indicativo de crase:
a. Fui a Lisboa receber o prêmio. / Paulo começou a falar em voz alta.
b. Pedimos silêncio a todos. Pouco a pouco, a praça central se esvaziava.
c. Esta música foi dedicada a ele. / Os romeiros chegaram a Bahia.
d. Bateram a porta fui atender. / O carro entrou a direita da rua.
e. Todos a aplaudiram. / Escreve a redação a tinta.

3. (UF-RS) Disse ..... ela que não insistisse em amar ..... quem não ..... queria.
a) a - a - a d) à - à- à
b) a - a - à e) a - à - à
c) à - a - a

4. (UF-RS) Quanto ..... suas exigências, recuso-me ..... levá-las ..... sério.
a) às - à - a d) à - a - à
b) a - a - a e) as - a - a
c) as - à - à

5. (UC-BA) Já estavam ..... poucos metros da clareira, ..... qual foram ter por um atalho aberto ..... foice.
 
a) à - à - a d) à - a - à
b) a - à - a e) à - à - à
c) a - a - à

6. (UC-BA) Afeito ..... solidão, esquivava-se ..... comparecer ..... comemorações sociais.
a) à - a - a d) a - à - a
b) à - à - a e) a - a - à
c) à - a - à

7. (TTN) Preencha as lacunas da frase abaixo e assinale a alternativa correta:
"Comunicamos ..... Vossa Senhoria que encaminhamos ..... petição anexa ..... Divisão de Fiscalização que está apta ..... prestar ..... informações solicitadas."
a) a, a, à, a, as d) à, à, a, à, às
b) à, a, à, a, às e) à, a, à, à, as
c) a, à, a, à, as

8. (UF-RS) Somente ..... longo prazo será possível ajustar-se esse mecanismo ..... finalidade ..... que se destina.
a) a - à - a d) à - a - a
b) à - a - à e) à - à - a
c) à - à - à

9. (UF-RS) Entregue a carta ..... homem ..... que você se referiu ..... tempos.
a) aquele - à - á d) àquele - à - à
b) àquele - à - há e) àquele - a - há
c) aquele - a - a

10. (BB) Há crase:
a) Responda a todas as perguntas.
b) Avise a moça que chegou a encomenda.
c) Volte sempre a esta casa.
d) Dirija-se a qualquer caixa.
e) Entregue o pedido a alguém na portaria



GABARITO:
1.B
2.D
3.A
4.B
5.B
6.A
7.A
8.A
9.E
10.B

Crase - Exercícios de concursos II

1- Use crase quando necessário:
1. (UGF) Assinale a opção em que o A sublinhado nas duas frases deve receber acento de crase:
a) Os ecologistas se dispuseram a colaborar. - O viajante descansava a sombras do ipê.
b) Ando a procura de uma guia florestal. - O caboclo está acostumado a uma vida fácil.
c) A caravana parou junto a velha ermida. - Irei a Amazônia em breve.
d) Ele atravessou o rio a cavalo. - Ninguém se sujeita a ordens absurdas.
e) Francisco é fiel a seus amigos. - Pouco a pouco, as nuvens cobriam o céu.

2. (CESGRANRIO) “O homem está sendo obrigado a se adaptar à crise permanente...”
Assinale a opção cujas lacunas devem ser preenchidas, respectivamente, por a (preposição) e à (preposição e artigo), tal como na frase a seguir:
a) A crise a obriga a comprar sempre __ prazo, fazendo-a voltar __ loja para quitar as prestações.
b) Mesmo sem __ ajuda financeira dos pais, minha amiga vem-se dedicando __ dança.
c) Ontem __ médica custou __ atender-me.
d) Só __ noite decidimos faltar __ reunião do dia seguinte.
e) Já comecei __ ter problemas, mas não estou disposto __ desistir da luta.

3. (PUC) “sensível a criatura à impressão”
Assinale a opção em que há ERRO no emprego do acento grave, indicativo da crase:
a) Quando iremos à Portugal?
b) Terminei o trabalho às 11 horas da noite.
c) Hoje distribuíram balas às crianças do bairro.
d) Emprestei vários livros à secretaria.
e) Ele não compareceu à reunião de sexta-feira.

4. (PUC) “Eu solto aos ecos da serra / Suspiros dessa saudade”. Caso substituíssemos ECOS por BRISAS, nos versos acima, teríamos que usar a contração da preposição A com o artigo definido AS, com o acento grave indicador de crase. Indique a opção em que, de acordo com a norma culta, NÃO ocorreria esta contração e, consequentemente, não apareceria o acento grave indicador de crase:
a) Agora vamos __ últimas questões.
b) Os parlamentares corresponderam __ expectativas dos seus eleitores.
c) Entregamos __ alunas as entradas para o espetáculo.
d) Anteriormente __ reclamações, o reparo do equipamento já havia sido providenciado.
e) O guia lembrava __ crianças de que não deveriam afastar-se dele.

5. (TIRADENTES) “Na cidade das Tartarugas, os visitantes assistem __ postura dos ovos (de maio __ junho), admiram os bebês de um __ três anos na enfermaria e veem a clínica, o laboratório e as diferentes espécies doadas __ particulares. Depois de 5 ou 6 anos, os pequenos animais são soltos entre os adultos nas zonas de repovoamento do maciço de Maures, na costa da Provença”. (Revista Geográfica Universal)

Assinale a opção que completa CORRETAMENTE as lacunas do texto:
a) à – a – a – por
b) à – à – à – por
c) a – à – à – de
d) a – a – aos – de
e) a – à – aos – a

6. (UGF) Assinale a opção que preenche corretamente as lacunas da frase a seguir: “Quando o cidadão levar ____ frente tudo aquilo ____ sonha, todo o grupo social ____ ele pertence se movimentará em ____”.
a) a – com que – a que – ascenção.
b) à – com que – a que – ascensão.
c) a – o qual – ao qual – ascenção.
d) em – que – que – ascensão.
e) a – que – ao qual – ascenção.


7. (UGF) Assinale a opção que completa corretamente a seguinte frase:
“Os solos não _____ a unidade necessária para que _____ colheitas abundantes que
trouxessem _____ população melhores dias”.
a) reteram houvesse a
b) reteram – houvessem - há
c) retêm haja a
d) retiveram houvesse - à
e) retiveram – houvessem - a

8. (NCE) Está incorreta quanto ao emprego do acento da crase a oração:
a) A doação de livros às crianças carentes foi feita com muita pompa.
b) A situação era desfavorável à candidata.
c) A empresa dará à você as condições necessárias para o trabalho.
d) O comércio varejista está preferindo as vendas à vista.
e) O candidato recorreu à justiça para fazer valer o seu direito.

9. (NCE) Para o correto preenchimento das lacunas da frase “Soube _____ dois dias que já está _____ disposição dos interessados na Internet _____ informação sobre o concurso”, têm de ser usadas, respectivamente, as formas:
a) à – há – a;
b) à – a – há;
c) há – à – a;
d) há – a – à;
e) a – há – à.

10. (NCE) Observe as frases abaixo.
I – Gostaria de ir ___ Marselha num grande cargueiro.
II – Dedicava se ___ publicidade numa agência pequena.
III – Já estive ___ bordo de um transatlântico.
A opção que corresponde, na sequência, ao preenchimento correto das lacunas é:
a) à – à – à.
b) à – à – a.
c) à – a – a.
d) a – à – à.
e) a – à – a.
 

 GABARITO:     
       1. C   2. A   3. A   4. E   5. A   6. B   7. D   8. C   9. C   10. E
Postar um comentário