NO INICIO DO BLOG

15 de maio de 2017

LOCUÇÃO ADJETIVA

de lagolacustre
de laringelaríngeo
de leãoleonino
de lebreleporino
de lobolupino
de lualunar ou selênico
de macacosimiesco, símio ou macacal
de madeiralígneo
de marfimebúrneo ou ebóreo
de mestremagistral
de mongemonacal
de neveníveo ou nival
de nucaoccipital
de orelhaauricular
de ouroáureo
de ovelhaovino
de paixãopassional
de pâncreaspancreático
de patoanserino
de peixepísceo ou ictíaco
de pombocolumbino
de porcosuíno ou porcino
de prataargênteo ou argírico
dos quadrisciático
de raposavulpino
de riofluvial
de serpenteviperino
de sonhoonírico
de terratelúrico, terrestre ou terreno
de trigotritício
de ursoursino
de vacavacum
de velhosenil
de ventoeólico
de verãoestival
de vidrovítreo ou hialino
de virilhainguinal
de visãoóptico ou ótico


É necessário critério!
   Há muitos adjetivos que mantêm certa correspondência de significado com locuções adjetivas, e vice-versa. No entanto, isso não significa que a substituição da locução pelo adjetivo seja sempre possível. Tampouco o contrário é sempre admissível. Colar de marfim é uma expressão cotidiana; seria pouco recomendável passar a dizer colar ebúrneo ou ebóreo, pois esses adjetivos têm uso restrito à linguagem literária. Contrato leonino é uma expressão usada na linguagem jurídica; é muito pouco provável que os advogados passem a dizer contrato de leão. Em outros casos, a substituição é perfeitamente possível, transformando a equivalência entre adjetivos e locuções adjetivas em mais uma ferramenta para o aprimoramento dos textos, pois oferece possibilidades de variação vocabular.
Por exemplo: A população das cidades tem aumentado. A falta de planejamento urbano faz com que isso se torne um imenso problema.
Postar um comentário