NO INICIO DO BLOG

2 de maio de 2017

QUEM PODERÁ SER CONSIDERADO TREINEIRO NO ENEM

Na véspera do feriado nacional de Tiradentes o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) publicou uma nota esclarecendo a definição de candidatos “treineiros” no Enem 2017. A postagem repercutiu bastante na mídia relacionada a educação e será pauta deste artigo do infoEnem.
Segue a descrição do que é considerado o participante treineiro de acordo com o Edital do Enem 2017 e conforme reafirmado pelo Inep na semana passada:
[…] o PARTICIPANTE menor de 18 anos no primeiro dia de realização do Exame e que concluirá o Ensino Médio após o ano letivo 2017.
Além disso, as regras desta edição do exame nacional também determinaram que o resultado com as notas para tais candidatos serão informadas somente dois meses após a publicação do boletim individual de desempenho dos demais participantes. Como o cronograma prevê o resultado do Enem 2017 para 19 de janeiro do ano que vem, a pontuação dos treineiros deverá sair então apenas em 19 de março de 2018.
A explicação para a divulgação tardia das notas dos treineiros no Enem 2017, que também ocorreu na edição do ano passado (leia mais), justifica-se pelo fato desses estudantes não poderem partcipar dos processos seletivos de programas do governo federal que usam as notas do exame e que ocorrem em janeiro/fevereiro, a exemplo do Sisu (vagas em instituições públicas); Prouni (bolsas de estudos em faculdades particulares); Pronatec (vagas em cursos técnicos); e Fies (financiamento estudantil).

E os Candidatos Maiores de 18 Anos Sem Ensino Médio?

Segundo as normas do Enem, os candidatos maiores de 18 anos, mesmo que não possuam diploma do ensino médio, não serão considerados treineiros. Desta forma, poderão participar dos programas mencionados anteriormente.
Vale lembrar, no entanto, que os processos seletivos que envolvem cursos superiores, como Sisu, Prouni e Fies, exigem formação nesta etapa escolar. É importante mencionar também que o Enem não será mais usado para retirada do diploma do ensino médio. Neste caso, ao longo do ano o participante poderá realizar outro exame (no nível estadual ou municipal) para este mesmo fim.
Postar um comentário